Affinity lança seguro com cobertura para quarentena e remarcação

Affinity atende a demanda de passageiros que têm planos de viajar, mas estão com receio do aumento de casos da variante Ômicron

Marilberto França, CEO da Affinity
Marilberto França, CEO da Affinity

A Affinity Seguro Viagem lançou uma cobertura mais robusta para os casos de covid-19, nesta segunda-feira (17). Agora, a assistência inclui a prorrogação de estada (quarentena no local), acompanhamento em caso de hospitalização, hospedagem deste acompanhante e remarcação de passagem aérea.

Os planos “Covid Mais” da Affinity estarão disponíveis para compra a partir desta segunda para todos os passageiros que ainda não embarcaram, mas que precisam garantir uma cobertura mais completa em sua viagem.

Coberturas específicas “Affinity 60 Covid Mais”:

  • Despesas Médico e Hospitalares (DMH) de até US$ 60.000 + DHM específica para covid-19 de até US$ 20.000;
  • Prorrogação de Estadia até US$ 1.500;
  • Retorno antecipado do Segurado até US$ 1.000;
  • Acompanhamento em caso de Hospitalização até US$ 1.000;
  • Hospedagem de acompanhante até US$ 500;
  • O produto é válido apenas para viagens internacionais e deve ser contratado antes do passageiro sair do Brasil.

Coberturas específicas “Affinity Europa Covid Mais”:

  • Despesas Médico e Hospitalares (DMH) de até € 30.000 (Euros) + DHM específica para Covid-19 de Até US$ 20.000;
  • Prorrogação de Estadia até US$ 1.500;
  • Retorno antecipado do Segurado até US$ 1.000;
  • Acompanhamento em caso de Hospitalização até US$ 1.000;
  • Hospedagem de acompanhante até US$ 500;
  • O produto é válido apenas para viagens internacionais e deve ser contratado antes do passageiro sair do Brasil.

“Nossa preocupação é justamente amparar aquele passageiro que ao fazer o PCR para retorno, seja surpreendido com o resultado do teste positivo, sendo impedido de retornar”, disse Marilberto França, CEO da Affinity.

“Nossa responsabilidade é garantir aos nossos passageiros um plano que o ampare durante este tipo de emergência no exterior e, neste cenário de pandemia, se torna uma obrigação a atualização das coberturas para que os passageiros tenham seus direitos preservados”, ressaltou França adiantando ainda que haverá mais novidades ao longo de 2022.

Deixe uma resposta