Japão reabrirá para turistas estrangeiros após dois anos

Governo permitirá a entrada de turistas de 98 países e regiões no próximo mês – mas apenas como parte de grupos turísticos

Japão
Foto: reprodução/Pixabay

O Japão anunciou que encerrará o fechamento de pandemia de dois anos e reabrirá para turistas de 98 países e regiões no próximo mês, mas os viajantes só poderão entrar como parte de grupos de turismo. A decisão vem depois que o governo disse na semana passada que testaria permitir passeios em pequenos grupos com visitantes dos EUA, Austrália, Tailândia e Cingapura a partir deste mês.

Na quinta-feira, o governo revisou os controles de fronteira para retomar a aceitação de pacotes turísticos de 98 países e regiões – incluindo Grã-Bretanha, EUA, França, Espanha, Canadá e Malásia – a partir de 10 de junho.

O Japão também expandirá o número de aeroportos que aceitam voos internacionais para sete, acrescentando Naha, na província de Okinawa, no sul, e New Chitose, perto de Sapporo, no norte de Hokkaido.

Durante a maior parte da pandemia, o Japão bloqueou todos os turistas e permitiu a entrada apenas de cidadãos e residentes estrangeiros, embora mesmo estes últimos tenham sido periodicamente excluídos.

Todas as chegadas têm que testar negativo para Covid antes de viajar para o Japão e muitas devem ser testadas novamente na chegada, embora pessoas vacinadas triplamente vindas de certos países possam pular o teste adicional, bem como uma quarentena de três dias necessária para outros.

Espera-se que os grupos de turismo assumam a responsabilidade de garantir que os visitantes respeitem o uso de máscaras quase universal do Japão e outras medidas que ajudaram a manter o número de vítimas do Covid comparativamente baixo.

Não está claro quantas pessoas poderão aproveitar a reabertura cuidadosa, já que o Japão planeja dobrar o limite diário de entrada, mas apenas para 20.000.

O primeiro-ministro, Fumio Kishida, disse que quer flexibilizar as medidas de controle de fronteiras, mas espera-se que os movimentos prossigam lentamente, com forte apoio público às atuais restrições.

O Japão recebeu um recorde de 31,9 milhões de visitantes estrangeiros em 2019 e estava a caminho de atingir sua meta de 40 milhões em 2020 antes da pandemia.

Leia também: Tailândia terá autorização de viagem instantânea a partir de junho

Deixe uma resposta