Anchorage, no Alasca, aposta no terrestre e busca parcerias no Brasil

Atualmente, os principais mercados internacionais de Anchorage são as figurinhas marcadas dos Estados Unidos: Alemanha, Reino Unido e Canadá

Tia Froehle, gerente sênior de Vendas do Visit Anchorage
Tia Froehle, gerente sênior de Vendas do Visit Anchorage

Anchorage, um dos principais destinos do Alasca (EUA), está preparando uma investida no mercado brasileiro para 2022. Conhecida pela vastidão de suas geleiras, a região está preparando novos pacotes terrestres, de carro ou trem, para regiões ao Norte do estado americano, para oferecer aos operadores do Brasil e desenvolver novos negócios até o fim do ano.

Atualmente, os principais mercados internacionais de Anchorage e, consequentemente do Alasca, são as figurinhas marcadas dos Estados Unidos: Alemanha, Reino Unido e Canadá. Porém, a meta para este ano é de expandir o alcance em mercados pouco explorados, como no caso do sul-americano.

A oferta hoteleira da região gira em torno de 8,5 mil leitos, com a maioria dos empreendimentos do segmento de mid-scale e alguns de alto padrão.

“Queremos aproveitar o momento em que o perfil do viajante global mudou, sendo que alternativas de atividades com maior contato com a natureza e espaços abertos têm sido cada vez mais procurados”, disse Tia Froehle, gerente sênior de Vendas do Visit Anchorage.

O Brasilturis Jornal viaja com proteção Affinity Seguro Viagem


Leia também: Estados Unidos crescem 174% em volume de turistas em janeiro e fevereiro

Deixe uma resposta