China Eastern reporta batida de aeronave em montanhas do Sul

Um Boeing 737-800 da China Eastern Airlines bateu em montanhas no Sul do país nesta segunda-feira (21). Ao todo, 132 pessoas estavam no avião

China
(Foto: Ezreal Zhang/Unsplash)

Nesta segunda-feira (21), um Boeing 737-800 da China Eastern Airlines se chocou às montanhas do Sul do país. O voo contava com 132 pessoas a bordo e, de acordo com informações da Reuters, não há sinais de sobreviventes.

A operação da China Eastern era doméstica e ele voava de Kunming, capital da província de Yunnan, localizada na região Sudoeste, para Guangzhou, capital de Guangdong e próximo da fronteira com Hong Kong.

A queda da aeronave foi notificada após o Flight Radar 24, site responsável pelo rastreamento de voos, identificar a descida repentina de 31 mil pés por minutos do Boeing 737. A causa, no entanto, ainda não foi identificada.

Em entrevista à agência de notícias, um oficial envolvido no resgate citou a desintegração do avião e incêndio que destruiu árvores na região do acidente. Além disso, dados meteorológicos mostraram condições parcialmente nubladas com boa visibilidade em Wuzhou no momento do acidente.

A China Eastern suspendeu sua frota de Boeing 737-800 após o acidente, conforme informou nota do país. A China Eastern possui 109 aeronaves em sua frota, de acordo com o Flight Radar 24.

Deixe uma resposta