Inprotur e JetSmart realizam ações para aumentar voos entre Argentina e Chile

Ricardo Sosa, secretário executivo do Inprotur, reuniu-se com executivos da JetSmart que destacaram o aumento de 50% nas frequências entre os dois países

Inprotur x JetSmart
Foto: Reprodução/Mensajero

No âmbito da recuperação dos níveis existentes em 2019 em relação à conectividade aérea, Ricardo Sosa, secretário-executivo do Instituto Nacional de Promoção do Turismo (Inprotur), reuniu-se com representantes da JetSmart, para analisar as ações realizadas com o objetivo de aumentar os voos entre o Chile e a Argentina.

Neste quadro, os administradores salientaram que desde junho se registou um aumento de 50% no número de frequências entre os dois países e confirmaram que durante 2022 serão incorporadas duas novas aeronaves à frota atual.

A reunião contou com a presença do gerente geral da JetSmart Argentina, Gonzalo Pérez Corral; e o gerente comercial, Darío Ratinoff. Durante o mesmo, discutiram as notícias aéreas comerciais da empresa, trocaram informações estatísticas sobre a entrada de turistas no país e analisaram as possibilidades de novas frequências e rotas com diferentes destinos.

“Destacamos o trabalho que temos vindo a desenvolver a partir do Inprotur na promoção do turismo internacional, as missões comerciais que estão previstas, além de Press Trip e Fam Tours com operadoras, e a identificação de oportunidades de voos comerciais rotas”, disse Sosa.

Da mesma forma, o responsável destacou a “ocupação positiva” nos voos da JetSmart e o interesse da companhia aérea na expansão comercial, fruto do trabalho desenvolvido pela empresa. Nesse sentido, pelo baixo custo garantiram que durante 2022 vão incorporar duas aeronaves à frota e prometeram aumentar o número em 2023.

“Por outro lado, explicaram que desde junho começou um processo de aumento de frequências entre Santiago do Chile e Buenos Aires, chegando a mais de 14 frequências semanais, traduzindo-se em um aumento de 50% das frequências que tinham entre os dois países”, concluiu o secretário executivo do Inprotur.


Leia também: JetSmart comemora seis anos de atuação em seis países

Deixe uma resposta